Um dos grandes ensinamentos que temos, é de que o planeta é constituído de uma enorme riqueza em sua biodiversidade. Mas por quanto tempo? – Hoje apenas “14″ espécies e “12″ culturas constituem cerca de “80″ por cento da oferta mundial em alimentos, sendo à monocultura um dos principais perigos à humanidade.

Em muitas comunidades de Ambientalistas, a Monocultura já é conhecida como “Deserto Verde”. A Monocultura é o cultivo ou produção de apenas um único tipo de produto agrícola, por exemplo: milho, algodão, soja, cana-de-açúcar, etc.

Piodao
CC: Marcaos

Infelizmente este meio é completamente danoso a biodiversidade, tanto para espécies animais quanto para o solo, outra desvantagem que se apresenta, é a nível social (reduz a mão-de-obra rural por ser mais fácil a utilização de tecnologias).

Apesar da monocultura apresentar um retorno financeiro rápido para a economia, ela é muito frágil, podendo apresentar riscos como: queda repentina do preço, doenças ou pragas a devastar todo o cultivo.

Constancia
CC: Marcaos

No vídeo a seguir veremos o que a monocultura para a produção do óleo de palma está a causar no Sudeste da Ásia, onde estão a ser devastadas grandes áreas de floresta e com ela espécies animais. Vídeo em alta qualidade, Campanha Greenpeace.


Dove Onslaught(er) from Greenpeace on Vimeo.

A monocultura está em crescimentos alarmantes, além da produção do óleo de palma estão os biocombustíveis como grandes contribuintes. A redução de muitas destas situações de degradação do planeta não depende apenas de ambientalistas, mas sim, de todos nós, ajude…

Fontes de Consulta: Wikipedia, Resistir

Tagged on:     

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>