Restaurar fotos com o Gimp (Software Gratuito)

Neste tutorial vou explicar como restaurar fotos em papel antigas e/ou maltratadas, muito útil para quem tem fotos em baixa qualidade, deterioradas acidentalmente ou pelo tempo, vou utilizar um software gratuito o Gimp versão 2.4.6, o trabalho será totalmente manual, sem recursos de plugins ou algo do género.

Primeiramente você precisa passar sua foto para o formato digital, utilize um scanner para isso, aconselho uma resolução mínima de 300dpi. O download do software Gimp pode ser feito em http://www.gimp.org/.

  1. Abrir a foto com o Gimp
  2. Correção da foto
  3. Ajuste de cores
  4. Exportar a foto
Foto Original
Foto Original
Foto Restauradal
Foto Restaurada

  • 1. Abrir a foto com o Gimp (imagem 1)

1.1 – Execute o Gimp, a seguir em “File>Open” (Ctrl+O), procure sua foto através da “Janela de Procura”, abra a foto;
1.2 - Para trabalharmos com segurança, salve a foto “File>Save As…”, nomedafoto.xcf – xcf (formato padrão do Gimp), no final exportamos a imagem para jpg.

Foto Original
Imagem 1
  • 2. Correcção da foto (imagem 2)

2.1 - Com a foto seleccionada, escolha a ferramenta clone [a];
2.2 - No painel configuração [b] , configure: “modo:normal”, “pincel: circle(15)”, “scale: 1,50″ (em Scale/Escala , eu costumo trabalhar com o tamanho 1,50 para fazer o trabalho calmamente, escolhas o tamanho que melhor adapte a si, altere o tamanho quantas vezes for necessário);
2.3 - Opacidade [c], este ponto é muito útil em alguns casos, se quiseres simular uma nuvem, folhas ou algo do género, quanto menor a opacidade, mais transparente fica o clone, altere o valor para 80;
2.4 - Não é essencial, mas se quiseres ampliar ou reduzir a foto para trabalhar mais facilmente, altere a percentagem [d];
2.5 - Depois deste ponto é simples, clique com a tecla “Ctrl” pressionada na área que quer copiar (seleccione uma região da foto que seja a mais parecida possível com a parte danificada – ver exemplo [e] ) e depois solte a tecla “Ctrl”, a seguir faça pequenos movimentos em cima da área danificada como se estivesse a desenhar ou faça pequenos cliques até obter a qualidade desejada, repita isso quantas vezes for necessária para toda a foto. Este ponto é crucial para que a foto fique com qualidade, pois o trabalho do restauro, consiste em clonar pontos da foto com qualidade para sobrepor os ponto com defeitos.
Dicas: Ctrl+Z (undo ou desfazer uma mudança), Ctrl+Y (redo ou refazer uma mudança desfeita), altere a configuração do painel de configuração do clone sempre que necessário.

Foto Original
Imagem 2
  • 3. Ajuste de cores (imagem 3)

Faremos alguns ajustes básicos, sem entrar em grandes detalhes.
3.1 - Brilho e Contraste [a] – na mesma janela onde estamos a trabalhar foto, acesse o menu: “Colors>Brightness-Contrast…” mova as barras brilho e contraste até obter a cor desejada, depois “Ok”, caso não precise de alteração ou queiras cancelar, clique em “Cancelar”;
3.2 - Curvas [b] – para ajustar algumas tonalidades de cor da nossa foto, vamos utilizar a ferramenta curves, acesse o menu “Colors>Curves…”, ajuste levemente a linha de forma a obter a cor desejada;
Dicas: Experimente todas as ferramentas no menu “Colors”, sempre pode cancelar ou desfazer a operação.

Foto Original
Imagem 3

  • 4 . Exportar a foto

4.1 - Para salvar a foto no format jpg, vá ao menu “File > Save As…> nomedafoto.jpg e pronto já tens a foto recuperada e em formato digital.

Com a foto em formato digital, agora é mais simples para melhorar as cores, brilho e aplicar alguns efeitos extras. Tenha em conta se a foto for para imprimir, existem vários tamanhos e formatos, exemplo: 10×15= 1200×1800 pixels ….

Termino este tutorial por aqui, espero que seja útil para vocês, Abraço.

Tagged on:     

4 thoughts on “Restauro de Fotos com o Gimp

  • 15 de Julho de 2012 at 1:56
    Permalink

    EU GOSTEI MUITO DESSA NOVA IDEIA,MUITO OBRIGADA PELA IDEIA !!!

    Reply
  • 4 de Dezembro de 2010 at 12:40
    Permalink

    Você me ajudou muito, excelente explicação. Muito Obrigada!!

    Reply
  • 7 de Outubro de 2009 at 20:50
    Permalink

    Muito bom e muito fácil

    Reply
  • 10 de Julho de 2009 at 16:17
    Permalink

    Parabéns cara… suas dicas com certeza estão ajudando muita gente, divulgar este conhecimento é fundamental até mesmo para incentivar as pessoas a arriscar novas idéias.

    Espero poder fazer um trabalho similar ao seu.

    Reply

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>